Blog

Texto Retirado do site Vista-Se
Vive do sofrimento e chamou veganos de antiéticos.
Fabio Chaves
Do Vista-se

açougue vegano

ATUALIZAÇÃO EM 01/02/2016 ÀS 14h15: fomos alertados por alguns leitores – e eles têm razão – sobre a etimologia da palavra “butcher”, do inglês, ser diferente. De fato, “açougue” vem do árabe, mas “butcher” acredita-se que venha do francês e a palavra está mesmo ligada àqueles que lidam com carne. De qualquer maneira, a pecuarista citada abaixo considerar que o uso dessa palavra transforma a empresa vegana em antiética é quase uma piada.

Desde que abriu suas portas, no dia 23 de janeiro, o Herbivorous Butcher (Açougueiro Herbívoro) vem fazendo um sucesso estrondoso e virando notícia em todos os grandes jornais dentro e fora dos Estados Unidos.

A Revista Times, o jornal The New York Times e até o britânico The Guardian já falaram do novo estabelecimento. Uma matéria aqui no Vista-se, publicada no dia 27 de janeiro, alcançou mais de 135 mil visualizações (relembre aqui). De fato, um açougue sem sangue, sem sofrimento e sem nada de origem animal chama a atenção.

Todo esse sucesso tem incomodado a indústria pecuária, levando a editora do portal National Hog Farmer, especializado em notícias do mercado de suínos, a fazer uma declaração controversa. Cheryl Day, que além de editora do portal é também pecuarista há muitos anos, considera que o novo açougue vegano é “antiético e errado em todos os níveis”, nas palavras dela.

Ela questiona a etimologia da palavra e acusa o açougue vegano de usar termos da indústria pecuária para vender seus produtos. A palavra “açougue”, no entanto, vem do árabe as-suq, que significa “mercado”, “feira”. Embora seja realmente conhecido apenas como um local que vende carnes, chamar o Herbivorous Butcher de açougue não está etimologicamente errado.

Mas o que mais chama a atenção nesse caso é uma pecuarista, que vive do sofrimento, de matar animais e vender os pedaços, chamar um estabelecimento vegano de antiético.

Comments ( 0 )

    Leave A Comment

    Your email address will not be published. Required fields are marked *